🔥 HOT ALBUM | Justice – Woman Worldwide

Nosso HOT ALBUM desse mês vai para o novo lançamento do Justice, “Woman Worldwide“.

O álbum é uma coleção de gravações das músicas do duo parisiense durante sua turnê e nos estúdios do último ano pra cá, em um processo de redescobrir novas dimensões musicais baseadas em versões ao vivo reinventadas e revisitadas. Os clássicos e os novos hits como “D.A.N.C.E.”, “Safe and Sound” e “Civilization” estão presentes, adaptados em uma nova roupagem explosiva, barulhenta e atual, para serem ouvidos pelos fãs e tocados nos próximos shows.

O Justice, formado por Xavier de Rosnay e Gaspard Augé passou os últimos meses lançando alguns singles que antecederam o álbum como “Stop“, “Randy” e “Chorus” e agora o catálogo completo está disponível para seus fãs nas principais plataformas digitais, em CD duplo e vinyl triplo. O lançamento saiu pelas labels Ed Banger e Because Music, importante selo indie europeu que tem no cast artistas como Björk, Breakbot, Cassius, Diplo, Metronomy, Major Lazer e Zhu.

Depois de mais de um ano testando, tocando, recriando e gravando na estrada, os artistas retornaram ao seu estúdio em Paris para dar os toques e a precisão necessária, que a performance ao vivo nem sempre permite.

Para Gaspard e Xavier, a música é um organismo vivo e em constante evolução. Por mais de uma década, eles apresentam seus sons através de influências da disco music, do funk, do rock e do heavy metal, com sons de sintetizadores compactados e distorcidos, criando uma identidade própria e esse disco segue também essas características.

Ouça o álbum completo aqui:

O Justice se consagrou mundialmente quando assinou uma versão para a clássica “Never Be Alone” do Simian, que se transformou no hit “We Are Your Friends“, simplesmente a música mais tocada em mash-ups pelos DJs em todo o mundo.

Em seguida lançou um de seus maiores hits, “D.A.N.C.E.”, que nesse novo álbum foi recriada para soar com uma levada pós-apocalíptica, com teclados fortes e crescentes. “Safe and Sound” oferece mais emoção sensorial do que a versão original, lançada em 2016, trazendo elementos pesados e distorcidos que soam como um sintetizador.

A faixa 10 traz um mash-up ao mesml tempo dramático e empolgante de “Waters Of Nazareth”, “We Are Your Friends” e “Phantom 2“, que ao ouvir, nos imaginamos na platéia assistindo ao show do Justice.

E a bela “Stop“, apesar de ser bastante parecida com a sua versão original, ganhou um clipe animado incrível. Assista:

Por Rodrigo Rodríguez